segunda-feira, 23 de março de 2015

Sendo

Como uma placa que indica o caminho errado, como um pote de sorvete cheio de feijão na geladeira, como quando acabam de comer alguma coisa perto da pia em que você lava louças e assim que você termina te entregam um prato, como quando você percebe que corrigiu o gabarito errado e na verdade você não acertou, como quando você vai fazer careta pra um bebê fofo e ele chora, como quando você chega de viagem e percebe que tem que arrumar as malas, como quando você descobre algo ruim sobre seus pais, como quando você descobre algo ruim sobre você.
Como se fosse mentira, mas é verdade. Como a reprise de "A lagoa azul" na seção da tarde.
Ser, estar, viver algo assim. Tipo isso.
Dava pra dormir sem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário